terça-feira, 6 de março de 2012

Até aonde vai sua inocência?

Reações: 

Vamos começar com um exemplo...
Você se aproxima das pessoas com o intuito de ajuda-las, seu olhar é inocente, sempre fazendo o bem, sendo amigável, extrovertido e etc.
Só que aí, a pessoa não age da mesma forma, elas te vêem diferente, já com algum interesse, indireta ou diretamente te forçam a fazer coisas que não quer.
Mas para agradar aquela pessoa, pra não chateá-la, você acaba fazendo, fazendo e fazendo...


E a sua inocência acaba!
Você sabe que o que faz não é certo, mas continua praticando por causa dessas pessoas.
O tempo passa e você se ver completamente envolvido naquilo, e parece não fazer a mínima questão de mudar as coisas, simplesmente porque já se tornou parte da sua vida essa situação, e aí tanto faz mudar e reconquistar seus princípios ou continuar do mesmo jeito...


Você não vê, mas os que estão ao seu redor já perceberam que você não é mais aquela pessoa, com aquela essência, que conquistava só com o jeito de conversar. Eles vêem que você se tornou mais um, sem ter nada que te faça diferente.
O que fazer quando se estar em um fundo de poço? 
Pra mim é se revoltar, agir para ter sua dignidade denovo, para outros...
Se acomodar e desistir, aliás, a maioria sempre opita pelo mais fácil!
Um pena.
Débora f

0 comentários:

Postar um comentário

COMENTARIOS :*

 

"Infelizes são aqueles que... Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos